• BannerSiteTaber
  • ConferenciaToSite

Imprimir

A Festa de Pentecostes - Parte I

Escrito por Rabino Marcelo M. Guimarães.

Avaliação do Usuário:
Nº Votos: 0
Pior
Melhor

pentecost-lg

A quarta Festa do ano é a Festa de Shavuôt, também conhecida como Festa das Semanas ou, simplesmente, Pentecostes. Em Levítico 23:15-21 temos a ordem para esta Festa: "...contarei para vós, desde o dia depois do Sábado, isto é, desde o dia em que houverdes trazido o molho da oferta de movimento, sete semanas inteiras; até o dia seguinte ao sétimo Sábado, contareis cinquenta dias; então, oferecereis nova oferta ao Senhor..."

Na Festa dos Pães Ázimos, Deus mandava contar sete dias até a Festa de Bikurim (Festa das Primícias). Agora, Deus manda contar sete semanas inteiras até que se complete o quinquagésimo dia, o Dia de Pentecostes. A palavra "pentecostes", na língua grega, quer dizer cinquenta. Sabemos que todas as Festas falam da pessoa do Messias. Nas três primeiras Festas (Páscoa, Pães Ázimos e Primícias), era-nos apresentada a pessoa do Messias ressurreto, ou seja, aquele que ressuscitou dos mortos e agora está vivo.

Sua obra redentora está presente em nós. Ele nos resgatou da vida de pecado, tem nos libertado ao longo desta caminhada pelo deserto(mundo), mas apesar das circunstâncias e dificuldades do dia-a-dia, sabemos que não estamos sozinhos. De dia, o Senhor Poderoso protege-nos do sol com uma nuvem sobre nós e, de noite, Ele nos aquece com uma coluna de fogo (Nm. 9:16-17). O crente, na vida real, recebe o Messias como seu salvador pessoal e parte para viver sua vida normal no deserto(mundo). Há algo muito grande além da fé em Yeshua e de ter a vida eterna. Yeshua virá buscar uma noiva madura para desposar e, com certeza, Ele não se porá em jugo desigual com esta noiva. A noiva tem que ter o caráter dEle, o jeito dEle, e, sobretudo, a santidade dEle. Ele quer uma noiva que seja nova (sem rugas) e sem defeito. Em outras palavras, crentes e filhos maduros que, sendo santos e totalmente separados para Ele, vivam, ainda neste mundo maligno, para testemunhar e glorificar o nome do nosso amado Mestre. Mas, quem irá nos capacitar para que vivamos nesta performance de vida? Só pode ser o próprio Espírito Santo de deus. Aquele que nos ensina, nos exorta, nos consola e nos mostra os detalhes da pessoa do noivo. Agora, entendemos o porquê dos dons do Espírito Santo.

Em Levítico 23:18 vemos que Deus, agora, deseja sete cordeiros como oferta. Isto mesmo, sete! Sabemos que o número sete fala da plenitude de deus, daquilo que é perfeito, completo. Deus está, nesta festa de Shavuôt, revelando-nos um Messias perfeito, completo, inteiro para nós, para que ao mesmo tempo sejamos semelhantes a Ele.

Assim como na Festa da Páscoa tomamos posse de que somos libertos da escravidão do pecado, assim também devemos tomar consciência de que agora o Senhor deseja nossa libertação total para servi-Lo. Deus quer filhos maduros (Rm. 8) e, por isso, Ele nos presenteia com os dons do espírito Santo, os quais nos capacitam quer individualmente, quer como uma Igreja madura.

Para os judeus, a Festa de Shavuôt celebra o aniversário da Torá, a lei de Deus, dada a Moisés no Monte Sinai. Nós, judeus messiânicos, também celebramos o aniversário da Torá com alegria. Muito mais, celebramos o dia maravilhoso no qual, nesta Festa, a Igreja Primitiva dos apóstolos recebeu o Espírito Santo do Pai.

Na Festa de Pentecostes, o povo ia ao Templo e oferecia os pães fermentados e cozidos – eram as primícias da colheita do trigo; um ato de ação de graças pela colheita da agricultura; uma "promessa" da profecia que se cumpriria. Séculos antes, o Eterno havia dado aos profetas de Israel a promessa de enviar o Espírito Santo (Ruách HáKôdesh) para as vidas dos judeus crentes.

Antes do Messias subir aos céus, Ele determinou que os discípulos não se ausentassem de Jerusalém, mas esperassem a promessa do Pai, a qual, Ele disse, de mim ouviste...

Lucas descreve os lugares de onde os peregrinos vinham para a casa de Deus, o Templo, em Jerusalém. Ele eram "judeus e gentios convertidos ao judaísmo" (At. 2:8-11). A  Cidade Santa, então com uma população de cerca de 600.000 habitantes (segundo registrou Cornelius Tacitus, o historiador romano), explodia para 2 ou 3 milhões, devido ao número de peregrinos. A presença dos peregrinos na Cidade Santa, durante as três maiores Festas, era em obediência à Torá, como Deus ordenara a Moisés: "Três vezes ao ano, todo varão entre ti aparecerá perante o Senhor teu Deus, no lugar que escolher..." (Dt. 16:16).  Era o zelo santo de judeus e prosélitos estar na Cidade Santa, entrar na "Casa Santa" de Deus e celebrar, religiosamente, os rituais destas Festas.

Extaído do Livro "A Pessoa do Messias nas Festas Bíblicas" – Rabino Marcelo M. Guimarães


Ítems mais atuais:
Ítems mais antigos:

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar

  • 1
  • 2

Quem somos e qual é a nossa missão?

Quem somos e qual é a nossa missão?

  Vocês, porém, são geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandez...

16 Ago 2017

O que significa Elohim na Bíblia?

O que significa Elohim na Bíblia?

     Elohim é uma palavra hebraica que normalmente significa “Deus”. No entanto, seu significado depe...

07 Ago 2017

Onde está a Arca da Aliança?

Onde está a Arca da Aliança?

Um dos maiores desejos de arqueólogos de várias partes do planeta e de várias épocas da história é descobrir o paradei...

19 Ago 2016

A Festa de Pentecostes - Parte I

A Festa de Pentecostes - Parte I

A quarta Festa do ano é a Festa de Shavuôt, também conhecida como Festa das Semanas ou, simplesmente, Pentecostes. Em ...

03 Jun 2016

Verdadeiro significado da Páscoa

Verdadeiro significado da Páscoa

Representação de um Sêder (jantar) de Pêssach dos dias de Yeshua A Escritura Sagrada, a Bíblia é a única fonte se...

13 Abr 2016

Quem me ama, guarda os meus mandamentos

Quem me ama, guarda os meus mandamentos

A palavra em hebraico para Mandamento é  מִצְוָה (Mitzvá). Ela vem da raíz צִוָּה  "tsivá", que signifi...

05 Abr 2016

O Terceiro Templo

O Terceiro Templo

A questão sobre a construção de um terceiro Templo em Jerusalém está sempre presente em círculos teológicos cristãos e...

30 Mar 2016

меня зовут эрл

Atividades Semanais

  • 3ª Feira
  • 20h - Oração dos Homens
    Manancial de Mulheres
    Instituto Bíblico Manancial
  • 4ª Feira
  • 20h - Oração e Estudo Bíblico
  • 5ª Feira
  • 15h - Reunião de Oração Manancial de Mulheres
    20h - Instituto Bíblico Manancial
  • Sábado
  • 9h30 - Reunião de Oração
    19h - Reunião de Jovens Pacto Jovem
  • Domingo
  • 9h - Escola de Crescimento Cristão
    19h - Culto de Adoração

Quem esta online

Nº de visitantes online: 16

Endereço

QSB 11 AE 11
CEP: 72015 610
Taguatinga Sul
Brasília

Mapa Localização

Fone: 3351 4582

Fale Conosco